APARTAMENTO 111N

Pta   sala noite  9

Localizado na Asa Norte, em Brasília, o apartamento de 110m² foi completamente reformulado:

Escritório, sala de TV e cozinha se integraram à sala, favorecendo o convívio dos moradores, bem como a iluminação e ventilação naturais.

Pta   sala noite  2
Pta   sala noite  1
Pta   sala dia  4
Pta   sala dia  3
Pta   sala dia  1
Pta   sala dia  2
Pta   sala noite  5
Pta   sala noite  7
Pta   sala noite  8
Pta   detalhe  1
Pta   sala noite  4
Pta   sala noite  10
Pta   sala noite  2
Pa.apt 213
Pa.apt 223

Espaços integrados

O projeto de reforma desse apartamento de 110m² previu uma ampla reestruturação espacial. A planta original de três quartos (um dos quais, suíte), construído no início dos anos 1990, apresentava uma compartimentalização característica das plantas dos antigos apartamentos de Brasília, em que a circulação entre as áreas íntima, social e de serviço são interdependentes, de modo a possibilitar o isolamento da cozinha perante as demais áreas da residência. Somam-se a essa problemática:

 

  • a presença de uma longa varanda, fechada com vidros temperados, sobre a qual dois quartos da residência buscavam, sem sucesso, ventilação adequada;
  • a disposição do quarto/escritório e da dependência de empregados, criando quinas positivas sobre a sala e a cozinha, respectivamente, e, desse modo, aumentando a sensação de estrangulamento do espaço;
  • o modo infeliz com que a distribuição dos espaços impedia a ventilação cruzada da sala em direção à cozinha.
  • com relação ao aspecto construtivo, o uso de argamassa com excesso de areia tornava o reboco e o constrapiso do apartamento insustentáveis. Além, é claro, da necessidade de se trocar as antigas instalações hidráulicas de ferro por tubos de PVC.

 

A mudança desses aspectos do apartamento original era o principal requisito do projeto. Porém não poderia ser realizado sem a mudança cultural do seu uso. Assim, foram discutidos com os clientes os novos conceitos espaciais a serem empregados, os quais, uma vez aceitos, possibilitaram uma transformação radical no espaço e no modo de morar, transformação essa confirmada como positiva pelos clientes após a conclusão da obra.

 

Dentre as transformações mais relevantes do projeto estão:

 

  • a retirada do quarto/escritório, que passou a ser integrado à sala, juntamente com o home theater.
  • a ampliação da suíte principal em direção ao corredor, permitindo a criação de um closet, e em direção à varanda, melhorando a ventilação do quarto.
  • a retirada da dependência de empregados, permitindo um acréscimo considerável de área à cozinha, o que permitiu a criação de uma copa confortável, além da criação de uma pequena despensa e do armário de roupas de cama.
  • a redução do corredor central a partir da mudança do local da porta da cozinha, que passa a ser integrada à sala por meio de uma janela articulada. Com essa mudança e a colocação de uma nova porta no que restou do corredor, o segundo quarto passa a funcionar como uma semi-suíte, tendo seu banheiro compartilhado com a sala conforme a necessidade.

 

A partir dessas transformações ficou visível a ampliação dos ambientes principais, especialmente a sala, que passou a agregar a maioria das funções comuns do apartamento. Mesmo integradas, essas funções – bar/varanda, sala de TV, escritório, circulação e sala de jantar – são demarcadas por um forro rebaixado a 2,1m do piso, ao redor do espaço central de estar, tornando-se o principal elemento articulador do espaço.  Os materiais utilizados também contribuíram para a devida demarcação/integração dos ambientes. Um exemplo é o uso do piso cimentício (tecnocimento) sem juntas e avançando sobre o peitoril da varanda, de modo a gerar a sensação de continuidade entre o apartamento e a paisagem externa. Outro elemento de articulação foi o uso inventivo do tijolo refratário com duas espessuras diferentes (15 e 25mm), operando como plano de fundo de grande parte da sala, sob os planos brancos das paredes principais.

 

Por fim, o desenho original de grande parte do mobiliário do apartamento permitiu um grau maior de personalização do espaço resultante. Alguns exemplos disso podem ser encontrados nos diversos nichos da sala, dispostos de modo a valorizar os objetos decorativos colecionados pelos clientes, ou o banco situado no centro da sala, sob o qual fica guardada a coleção de discos de vinil. Mas dentre o mobiliário criado, talvez o mais inventivo tenha sido o bar, onde uma coluna estrutural passou a ser oculta por uma moldura de concreto aparente – cuja fôrma ripada foi desenhada in-locco. Essa moldura abrigou as funções de bar no móvel de laminado nova-imbuia e nas prateleiras de vidro laminado retro iluminadas por fitas de LED, além de permitir o desejável contato visual da varanda com a sala de TV.

Pta   coz  3
Pta   sala noite  12
Pta   coz  2
Pta   coz  1
Pta   coz  4
Pta   coz  5
Pta   sala noite  6
Pta   detalhe  3
Pta   detalhe  4
Pta   detalhe  2
Pta   quarto  1
Pta   quarto  3
Pta   quarto  2
Pta   quarto  5
Pta   quarto  4

Ficha técnica

Apartamento 111 norte

 

Ano

Projeto - 2009

Obra - 2010

 

Localização

SQN 111 - Asa Norte

Brasília-DF

 

Área

110m²

 

Autor

Pedro Grilo

 

Equipe

Gabriel Nogueira

Guilherme Araujo

 

Fornecedores

Iluminação e automação - TC iluminação

Marcenaria - Antunes Armários e Cozinhas

Som - Eletrônica Contato

 
Fotos

Joana França