Casa dos Pátios

Imagem   01
Imagem   02
Imagem   03
Imagem   04
Imagem   05
Nwv a   plantas   site 01
Nwv a   plantas   site 02
Imagem   07
Imagem   08
Imagem   09
Imagem   10
Imagem   12.jpg
Imagem   11
Imagem   13.jpg.png
Imagem   14
Imagem   15

FICHA TÉCNICA

Casa dos Pátios

 

Local

Lago Sul. Brasília-DF

 

ano

projeto  2018

 

áreas

terreno: 1374m²

residência:  470m²

 

autores

Pedro Grilo

 

equipe

Ana Paula Kouzak

Rayan Sant’anna

Sarah Almeida

Victor Vargas

CASA DOS PÁTIOS

 

A ideia deste novo projeto surgiu do desejo inicial da família em reformar sua antiga residência, que se encontrava em um terreno com ótima localização e condicionantes climáticas favoráveis. A proposta de reforma, entretanto, transformou-se em um projeto do zero após um estudo prévio de viabilidade e ao novo programa de necessidades o qual a proposta deveria atender.

 

As principais necessidades identificadas foram a de propor um espaço social amplo para eventos de família, mas que ainda preservasse o convívio íntimo no dia-a-dia. Assim como outras moradias antigas da região, a clássica repartição da residência entre uma zona de serviço e outra social era muito rígida e não permitia a integração da cozinha como parte das atividades cotidianas e sociais, um dos maiores hobbies da proprietária. Era essencial que a cozinha passasse a ser integrada e ganhasse um local de destaque. Outras premissas do projeto foram a de valorização da vista do lote e o aproveitamento da insolação para que a casa se mantivesse fresca mesmo em dias quentes. Além desses desejos era necessário criar uma casa moderna, com instalações novas e praticidade de manutenção, funções que sua predecessora não ofereciam.

 

Ainda que a proposta tenha o nível térreo como social e o nível superior como íntimo, a demarcação entre eles é diluída por meio de diversos pátios. O desejo de comunicação com a área externa e demarcação clara dos blocos volumétricos deram origem a estes vários pátios da casa, cada um com sua função e espacialidade própria. Além desta característica, outro elemento memorável do projeto é sua unidade material e conceitual, o tijolo, uma homenagem às memórias da família em sua moradia anterior.

 

No espaço central do projeto está uma sala de pé direito duplo, cercada por esquadrias de vidro que permitem que o espaço tenha continuidade interior-exterior com os jardins, internos e externos. Trata-se de um espaço multiuso, adequado para eventos de diversos portes e que pode ser completamente conectado com a cozinha, varanda e churrasqueira. Para solucionar as diversas demandas de serviços da casa e organizar os fluxos de maneira concisa foi proposta uma circulação auxiliar de serviço na lateral direita do lote, onde a legislação permite que este seja próconectado com o muro vizinho.

 

No andar superior estão localizadas as duas suítes dos filhos, voltadas para a frente da rua; a sala de tv com uma mini copa, um espaço multifuncional e de reunião da família; a suíte máster do casal com vista para o jardim; e ainda três pátios, um coberto e dois descobertos, permitindo uma enorme variedade de usos do andar.

Nwv a   r01   esquemas   05pg 03